Portal Médica. Doença, Sintomas, Tratamento
Principal » Perguntas e Respostas » A psoríase nas unhas e fungos nas unhas pode ser confundida?

A psorĂ­ase nas unhas e fungos nas unhas pode ser confundida?

perguntas:

Querida Merete

Estou interessado em saber se o fungo das unhas pode ter alguma coisa a ver com a psorĂ­ase?

Atenciosamente, uma pergunta.

responder:

Caro pergunta.

Sim, a psorĂ­ase nas unhas e fungos nas unhas podem ser semelhantes entre si.

Nem sempre Ă© possĂ­vel a partir das alteraçÔes das unhas distinguir apenas as duas doenças. AlĂ©m disso, tanto a psorĂ­ase como o fungo ungueal podem frequentemente ser usados ​​por outros sinais alĂ©m das unhas. Em um estudo fĂșngico, pode-se decidir se hĂĄ fungos nas unhas.

As alteraçÔes ungueais de ambos os fungos e psorĂ­ase podem ser descoloridos unhas espessadas soltos nos lados. No caso da psorĂ­ase, muitas vezes vocĂȘ pode ver um padrĂŁo de apito de dedo ou manchas de Ăłleo na unha. O fungo do prego quase sempre serĂĄ precedido pelo fungo do pĂ©. As primeiras mudanças sĂŁo frequentemente vistas entre os dedos, onde Ă© Ășmido e quente, o que faz os fungos prosperarem. Mais tarde, a infecção fĂșngica pode se espalhar para as solas do pĂ© e, possivelmente, atacar as unhas. A psorĂ­ase pode aparecer em ambas as alteraçÔes nas unhas e uma erupção cutĂąnea caracterĂ­stica que normalmente se senta no couro cabeludo, cotovelos, joelhos e parte inferior das costas ou em dobras da pele.

Como mencionado acima, para a detecção de unha fungo, um estudo fĂșngico Ă© para ser realizado. Cogumelos estudo realizado por raspagem um pouco material da unha ĂĄrea do mudado e enviĂĄ-lo para um laboratĂłrio onde um especializada na detecção de fungo. As respostas Ă  pesquisa estĂŁo geralmente disponĂ­veis apĂłs 2 semanas. O estudo pode ser feito com seu prĂłprio mĂ©dico ou com um dermatologista.

Se vocĂȘ tem psorĂ­ase e suas unhas mudam a aparĂȘncia, a causa pode ser uma nova infecção fĂșngica participante, ao mesmo tempo, psorĂ­ase pacientes podem obter unha fungo. Se assim for, aconselho-o a fazer um estudo fĂșngico atravĂ©s do seu mĂ©dico ou atravĂ©s de um dermatologista.

Seu sinceramente

Merete HĂŠdersdal,

especialista.


Se VocĂȘ Gostou Nosso Artigo E VocĂȘ, Tem Algo A Acrescentar, Compartilhar Seus Pensamentos. É Muito Importante Saber A Sua OpiniĂŁo!

Adicionar Um ComentĂĄrio